✿ܓܓ
um cantinho especial pra você ,de prosa en prosa vai surgindo uma pagina encantada cheia de cor e magia que a todos encantam sejam bem vindos a o Cheiro de hortela ✿ܓܓ✿ܓO ar tem cheiro de hortelã...ou borboletas. Não sei.

A cozinha é um pedaço da casa onde eu gosto de ficar.
Ali,tudo cheira a ela.
Uma mulher no canto me vigia mesmo sem presença física.
Converso com ela.
Ela reflete no chá que bebo.
Acho que de hortelã - não me lembro... -
Canto canções que falam de amor.
E entre as palavras a chamo.
E ela quer saber a noção exata do que sinto.
Ainda não aprendi a traduzir isso.Imito o vento.
Preciso de palavras novas.Mas,são sempre as mesma que me lembro quando penso nela.
Amor.
O ar tem cheiro de hortelã...ou borboletas.Não sei
Perdi um pouco da memória de mim.
Me encontro nela e nesse vago encontro com a essência que ela deixou aqui...

Mariana Gouveia

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Feliz 2012........


Relaxe e viva!


Tem gente que se ocupa tanto com o trabalho e com afazeres que não tem um dia em que fique relaxado, dando um tempo para si. Relaxe! Não sinta culpa por não fazer nada. Pergunte-se: "O que me deixaria feliz?"; e faça.
Para aproveitar bons momentos, administre seu tempo e evite desperdício em tarefas diárias. Por exemplo, às vezes 10 minutos são suficientes para uma reunião de trabalho.
Em momentos de estresse, pare e respire fundo. Dê uma volta e pense em coisas boas da sua vida; ou tente não pensar absolutamente nada. Tente repor as más energias com as boas, ou tente esvaziar sua mente por alguns minutos.
Pelo menos por um dia da semana não faça nada que não te agrade! Abra mão de fazer algumas tarefas que você não gosta. Dê a si um tempo livre! Não faça jantar, por exemplo, e peça comida num disque-entrega. Nesse tempo faça o que você gostaria: pule na cama, brinque com seus animais de estimação, visite amigos, convide amigos, assista um filme, ou apenas relaxe deitado sem fazer nada.
Esse tempo próprio para fazer nada ou fazer só o que gosta é essencial para manter sua mente saudável e para você aproveitar a sua vida o máximo que puder. Isso não deve ser esquecido nunca: viver a vida. Da forma mais leve possível - e isso só você pode se dar.
Pense no hoje e faça hoje. Deixe o amanhã para amanhã.
Viva um dia de cada vez!O tempo é o mestre dos eventos, das oportunidades, da hora de agir e de acontecer. O tempo gera a oportunidade de crescer e aprender. Cada vez que surge a chance diante de seus olhos, não permita que a indolência ou a falta de vontade interfira na hora final de acordar para um evento de suma importância da vida.
O ciclo é regido pelo universo, tem começo, meio e fim, desenvolve as idéias, cresce as metas, mas somente concretiza os sonhos aqueles que percorrem caminhos de mãos dadas com seu semelhante, ajudam o outro a andar e permanecer de pé.
Caminhe no decorrer do ano aplaudindo as oportunidades e nunca lastimando a forma que elas aparecem. Agradeça a saúde que convive com você e jamais procure sensações, perigos ou aventuras que destruam aos poucos ou de vez a beleza interna da alma, que é a alegria e a saúde física.
Alimente a gratidão e a fé a cada dia que passa em relação à força divina, à força familiar, a todos que de uma forma participaram de sua vida para encantar o que existe de melhor em você.
Final do ano, fim de ciclo, novos objetivos...
Sinta, nas suas escolhas, se realmente tem o sonho no fundo de sua alma. Se for positivo, a vida vai emprestar pessoas, lugares, situações, conhecimentos, livros, aprendizado para seguir este caminho e chegar ao fim do ano sentindo que aproveitou o máximo e os resultados foram nota dez. No entanto, se partiu pro egoísmo e não levou em conta o quanto pessoas foram pisadas e humilhadas, quantos foram deixados sem uma palavra de conforto e assim permitiu que outros fizessem o mesmo que você e ainda feliz se aliou a estas pessoas, com certeza as escolhas foram erradas, desviaram de sua meta de vida, afastaram o brilho do seu destino. A vida, sábia e mestre, bloqueou seus caminhos e fechou as portas, pois é hora de acordar, conferir, mudar e, finalmente, acertar, começar de novo e seguir no caminho do amor e da confiança, no caminho da estrela que cada um tem alojada dentro de seu coração, basta acionar o botão e deixar que o brilho permanente seja cada vez mais forte.
Hoje é o fim do ano, final do ciclo, vamos brindar com champanhe e enviar saúde, paz, amor, a todos do Planeta Terra... Felicidade é encerrar o ciclo emanando e recebendo sorrisos e aplausos. Mas, se você não atingiu este estágio, não se lastime. Na próxima hora, no próximo dia, o caminho estará livre e você, de braços abertos, vai perceber que a vida confere a todos a chance de sentir o conforto da vitória, a paz de espírito, quando o caminho, ao fim do ano, estará iluminado e ao lado de flores perfumadas abraçará cada um com um sorriso, com amor, com gratidão...
"Que Deus, ao fim deste ciclo, espalhe o aroma da afetividade e do respeito em cada ser vivo que estenda suas mãos pedindo sua proteção, iluminação em direção ao rumo certo da vida. Que assim seja em todos os lares deste planeta-casa".feliz 2012 a todos seguidores 



e amigos e´o que deseja a

(◕‿◕✿)


¨família da casa do mato





¨..........
O fim de tarde na casa do matoa janela da sala pássaros fazendo ninho lindinhos
 

 


algumas comidas que foram feitas no natal bonitas fácil e gostosa...

Este é um prato muito simples de servir como um aperitivo ou sobremesa.
Ingredientes:
1 queijo tipo fresco de minas frescal
1 folha de massa folhada congelada descongelado
11/2- xícara de nozes picadas tostadas 11/2- xícara de geleia / preserva de sua escolha (eu usei uma framboesa
1 ovo batido com 1 colher de sopa. da água.
1 folha de papel vegetal
Pão ou bolachas para servir ou canapésMétodo:
Rolo descongelado folha de massa folhada sobre uma superfície polvilhada com farinha até aprox. . Espalhe as nozes picadas em círculo no centro da pastelaria. Top as porcas com a geléia / preserva. coloque o queijo. Nesta fase você pode usar alguns a massa para cortar uma decoração para o topo. Dobre as bordas da massa para cobrir completamente. Virar o envolto em massa acabou.Adicionar a decoração, se quiser. Coloque o em assadeira forrada. pegue uma gema e passe em cima . Asse em forno 400 graus por 20-30 minutos ou até que a massa esteja dourada.
----------------------------------------------------------------------------------
Salada de Gelatina em camadas
Uma salada festiva para servir no Natal. Esta salada de gelatina em camadas leva um pouco de tempo para fazer, mas vai sow sua família!

Ingredientes:

Um pequeno pacote de gelatina de cerejaUm pequeno pacote de gelatina de limãoUm pequeno pacote de gelatina de laranjaUm pequeno pacote de gelatina de limão4 xícaras de água fervente, dividido2 1 / 2 xícaras de água fria, dividido2 envelopes de gelatina sem sabor2 xícaras de leite1 xícara de açúcar2 xícaras de creme de leite2 colheres de chá de baunilhaDissolva a gelatina de cereja em 1 xícara de água fervente. Adicione 1 / 2 xícara de água fria e mexa até a gelatina dissolver.

Em uma panela pequena a gelatina sem sabor em 1 / 2 xícara de água, deixe descansar por 1 minuto.Misture o leite eo açúcar e cozinhe em fogo médio, mexendo constantemente até que a gelatina eo açúcar são dissolvidos.Retire do fogo, misture o creme de leite azedo ea baunilha até obter uma massa lisa e cremosa.Copo 1 colher 03/02 deste cremosa camada de gelatina sobre a gelatina de cereja que se põe.Frio até ficar firme, mas não definido.Prepare o gelatinas restantes como você fez a gelatina de cereja, alternando as camadas de gelatina com a mistura cremosa gelatina, permitindo que cada um set antes de adicionar a camada seguinte.Leve à geladeira por 7-8 horas.Corte em quadrados pequenos para servir--------------------------------------------------------------- Cobertura de chocolate
Este é um tratamento rápido e simples caseiro para atender a mais sorvete e um belo presente para dar de sua cozinha! Eu já estou sonhando com todas as coberturas diferentes eu posso fazer .. talvez chocolate com jalepeno! Estarei de volta no verão com mais ideias:)

Ingredientes:

1 1 / 2 xícaras fichas semi-doce de chocolate .. ou você pode cortar o seu chocolate favorito3 colheres de sopa de manteiga ou óleo de cocoBaunilha 1 / 4 colher de cháMétodo:

Derreta chocolate e manteiga (ou óleo de coco) na microondas por 30 segundos. Mexa e microondas mais alguns segundos e mexa novamente até chocolate são derretidos e mistura é bom. Você pode precisar de mais alguns segundos no microondas, mas tenha cuidado não queima.Adicione a baunilha e mexa até misturar bem.Despeje em uma jarra de vidro e cubra com uma tampa, eu usei um pote de geléia, é importante despeje em um recipiente de microondas.Você não precisa de refrigerar como ele vai manter algumas semanas na despensa.A próxima vez que você tem um desejo para este topping encantador a apenas aquecer no microondas (lembre-se de remover a tampa) por alguns segundos até que o líquido novamente.Colher ou regue sorvete. Formará em uma casca dura.Rendimento: cerca de 1 xícara

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

O bolo de mamãe doces recordações.........

Ontem cedinho quando chego a campinas não contive  as lagrimas saudades de meu pai que voceis sabem amo de paixão e vi o bolo que mamãe fazia em cima do aparador minha tia relembrou  o nosso passado  aqui esta a receita pra voceis
Lembrança favorita da minha mãe do Natal é o bolo de coco que ficava no aparador na sala de jantar na chácara em belo horizonte. Ela nunca deixou de lembrar como foi quando ela se casou novinha com papai o que sua avo disse filha espere sempre seu marido com um bolo em cima da  comoda   bolo de cristal que tinha sido sua avó que ensinou. E é por isso que nos sentimos tão  melancólicos   nesta época do ano, quando gosto de uma mordida de biscoito doce de açúcar ou chocolate, exatamente como nos lembramos mãe costumava fazer? Eu gostaria de ter uma receita manuscrita para o bolo, eu imagino avó usando um de livros de receitas antigas que ela mantinha no armário acima da pia. Eu herdei os livros de receitas, amarelado da idade e as páginas manchadas e danificadas. Eu Faço o   bolo tão bem e cada Natal é sagrado não falta   um bolo de coco que é tão doce como as lembranças!

Ingredientes:
2 xícaras (chá) de açucar
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
4 ovos
1 xícara (chá) leite
2 colheres (sopa) coco ralado
1 colher (sopa) fermento em pó
2 colheres (sopa) margarina s/ sal

Preparo:
Bata na batedeira os ovos, junto com o açucar e a margarina, até ficar bem branquinho, acrescente a farinha, intercalando com o leite, por ultimo acrescente o coco e o fermento.
Coloque em forma untada e enfarinha, leve para assar até dourar.

Calda:
1 lata de leite condensado
1 vidro (200ml) leite de coco
1 xícara de coco ralado

Preparo:
Misture tudo(não precisar levar ao fogo), coloque sobre o bolo ainda quente, polvilhe coco ralado...leve para gelar!!

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Geleias para fim de ano!

Faça estas delicias monte uma cesta desta e de de presente desculpe esta já tem dona mas mais pra frente faço outra e coloco no sorteio 

Ola. Como já devem saber, o sal aromático virou moda nos melhores restaurantes do mundo, o sal aromático é uma mistura de sal com ervas, especiarias,fungos,etc... Hoje eu resolvi fazer alguns tipos de sal aromáticos, e posso dizer que ficou muito bom. Eu fiz alguns tipos diferentes de sais aromáticos, alguns meio diferente, outros nem tanto.Não sei dizer quando foi criado a ideia de sais aromáticos, mais eu gostei muito da ideia e gostaria de parabenizar a pessoa que criou.
Bem, então eu vou passar as receitas de alguns dos tipos que eu fiz hoje.


 Eu gostei muito de alguns e outros, adorei (hahaha), mais ficou bem legal. Confiram.Sal aromático de cravo da Índia e canela da China

200 gr de sal grosso
20 gr de canela da China (casca)
20 gr de cravo da Índia

Misture tudo, leve ao fogo brando por 5 minutos ou até que o sal fique meio escuro. Você pode usar para decorar pratos, temperar carnes em geral ou até mesmo em alguns doces.
 .com certeza vão fazer toda a diferença ...coisas simples como uma cesta de geleias  frescas ornamentadas com ramos de alecrim!  

Geléias e o fim dos potes vazios


Há pouco tempo peguei uma nova mania, guardar potes e recipientes de vidro. Acho que começou quando tivemos que comprar algumas papinhas para o Luca, achei que aqueles potinhos de vidro seriam ótimos para guardar meus temperos. Depois foram as garrafas de azeite, potes de geleia, palmito, azeitona, etc..
Dia desses fui a dispensa e vi que o estoque de potinhos começou a crescer e já comecei a pensar no que fazer com todos eles, o resultado: um sábado inteiro na cozinha fazendo geleias, pesto, chutneys...

Quando faço geleias, tento acrescentar algum ingrediente para fugir do tradicional, então aí vão duas receitas pra você experimentar.


Receita de geleia de morango, gengibre e baunilha
Fiz essa inspirado em uma mistura de chá   só que troquei a groselha pelo morango. Fez sucesso aqui em casa. :)

Ingredientes:
- 600g de morangos limpos
- 1 xícara de açúcar cristal
- 1 colher (sopa) de essência de baunilha
- 1 colher (chá) de gengibre picado
- suco de 1/2 limão

Preparo
Em uma panela coloque todos os ingredientes e cozinhe em fogo baixo, mexendo bem, até chegar na consistência de geleia.


Receita de geleia de damasco e mexerica
Essa combinação parece exótica, mas funciona muito bem, usei o damasco seco porque não achei o fresco. Mas se você encontrar dê preferência.

Ingredientes:
- 350g de damasco seco picado
- suco de 2 mexericas
- suco de 1 limão
- 1 xícara de açúcar cristal
- 1 colher (chá) de cravo da índia
- água o quanto baste

Preparo:
Em uma panela coloque todos os ingredientes e cozinhe até o damasco ficar bem mole, a ponto de desmanchar quando apertá-lo com a colher. Se for necessário vá acrescentando água. Tire do fogo quando chegar na consistência de geleia.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Um passeio no quintal.

Cafe da manha  passeio a cavalo dia tranquilo

Olá a todos ..

Outra noite chuvosa mas quente aqui .. Tem sido uma semana agitada, por isso estou meio lenta no departamento de postagem       


A VIDA É O TREM QUE PASSA

Marillena S. Ribeiro



A vida é o trem que passa
Os sonhos são vagões
O amor é o maquinista
Somos nós, a estação!

Adquira seu bilhete, faça sua escolha
O trem vai seguindo continuadamente
Em cada vagão, o desejo de sua mente
...há também tristezas, desilusões
Com a passagem na mão, escolha!

A viagem, se longa não sabemos
A bagagem é cada dia vivenciada
Mudar o rumo, podemos
Sem mesmo saber da parada

A estação nunca pode estar vazia
Será sempre um passeio viver
Se sentar na janela, aprecie
Tudo é passagem, algo pode reter

Cada dia que passa é contagem regressiva
Viaje como se cada instante fosse único
Cada olhar como se fosse o último

Respire fundo, o caminho é longo
Encontrará adversidades
...tristezas
...saudades
...abismos
...retas
.curvas
inúmeras serão as vezes
que não veremos o que há além da curva
Mas o percurso seguirá sonhando

A vida é uma viagem
Somos mutantes
Somos passageiros
Somos nuvens
Somos fumaça

Por não saber decifrar o mapa da vida
Algumas vezes nos perderemos no trajeto
Mas, para quem sonha, nada é impossível
nunca se perde, sempre se encontra

Escute, ouça, é o apito de mais uma partida
Poderá estar partindo para novos lugares
sem roteiros
sem destino
sem poente ou nascente
A direção é para a felicidade
Conduzirá e será conduzido
O maquinista sempre atento
na história, na vida

De tudo que viver, uma coisa é certa:
Não se canse da viagem, prossiga
Lute, grite, implore
Mas não desista
...se cansar, acene, sorria
O maquinista não te deixará
Não hesite, não tema
Onde parar, um coração
certamente o acalentará

A viagem prossegue
...e sabendo onde quer ir
Vá seguro, você consegue
Sabendo sempre que vai valente...
sua viagem será eternamente...
no vagão de primeira classe.
..


O








O











A






'
 

Aqui está uma visão rápida sobre o pátio como a luz do sol e a chuva cai suavemente.












Bolo pudim mais uma receitinha





Talvez se assustem ao ler a receita porque parece complicado... mas não é! Bate-se tudo com a batedeira. O único problema é que suja um bocadinho de louça!


Chavena

Ingredientes:


Açúcar para o caramelo (eu usei de frasco... mais prático!)

Chavena



Para o bolo:


3 ovos


1 xícara chá    de açúcar


150g de manteiga


1 xic chá e meia de farinha


1 colher de sopa rasa de fermento


1/2 xicara de chocolate em pó


meia xicara de leite


Para o pudim:


1 lata de leite condensado

4 ovos

2 latas de leite normal (a lata medida é a do leite condensado)

Preparação:


Ligar o forno a 180ºC. Colocar um tabuleiro (eu tenho 2 formas redondas sem buraco: usei a mais pequena para fazer o bolo e a maior para pôr a água) com água a ferver, uma vez que o bolo-pudim vai cozer em banho-maria. Barrar uma forma redonda sem buraco com caramelo.
Bolo:


Bater o açúcar com os 3 ovos inteiros. Adicionar a manteiga derretida e mexer novamente. Juntar a farinha, o chocolate, o fermento e a meia chávena de leite. Bater bem. Deitar na forma sobre o caramelo e reservar.

Pudim:

Bater muito bem todos os ingredientes ao mesmo tempo e deitar sobre a massa do bolo.
É nesta altura que a massa do bolo "engole" o pudim e este sim fica em contacto com o caramelo... isto tem certamente uma explicação química!

Vai ao forno a cozer em banho-maria cerca de uma hora (o meu teve um bocadinho mais... tinha o forno muito baixo). Desenformar depois de arrefecer completamente. Se quiserem fazer para um almoço o melhor é fazer de véspera, porque se o desenformarem morno pode-se quebrar!

Seguidores

cursor

estrelinhas

brillho


fundo





....

cha quentinho ummmm

cha quentinho ummmm

mensageiro dos ventos